Os sobrenomes poloneses têm três principais origens: toponímico, cognominal e patronímico.

No caso do toponímico, são sobrenomes que surgiram conforme o local de proveniência das pessoas, como nomes de cidades ou vilas. Exemplo: Gryzbowski (cidade de Gryzbow).

O sobrenome cognominal tem relação com características de aspecto físico e de personalidade, assim como profissões realizadas no passado. Exemplo: Krawczyk (alfaiate) e Wysocki (alto).

E o patronímico costuma ser um sobrenome de origem paterna, relacionado ao nome do pai. Em casos mais raros, também pode vir do nome da mãe, sendo, nessas situações, um sobrenome matronímico. Exemplo: Adamicz (filho de Adam).

Confira a lista com significados dos sobrenomes mais comuns na Polônia e no Brasil.

Sobrenomes mais comuns na Polônia

Sobrenomes comuns

1. Nowak

O sobrenome mais comum da Polônia.

Da raiz nowy, significa "novo". Era utilizado para se referir a alguém que era "novo" em algum vilarejo.

2. Kowalski

Um sobrenome cognominal, com a raiz kowal, que quer dizer "ferreiro". Por ser uma profissão bastante comum, havia muitas pessoas que acabavam por ter esse sobrenome na Polônia.

3. Wiśniewski

Wiśniewski

Com a raiz wiśnia, esse sobrenome significa "cereja azeda".

Famosos com esse nome: o cantor polonês Michał Wiśniewski.

4. Wójcik

Com origem no diminutivo da palavra wójt, significa "o chefe de um grupo de aldeias".

Algumas variações desse sobrenome: Wojczik, Wojczyk, Wojszyk.

5. Kowalczyk

O quinto sobrenome mais comum da Polônia é uma variação patronímica do segundo da lista, tendo também a raiz kowal, que significa "ferreiro".

6. Kamiński

Kamiński

Com origem na palavra kamień, significa "rocha ou pedra".

Pode ser relacionado a alguém que morava numa região com esse nome.

7. Lewandowski

Um sobrenome toponímico, proveniente do nome da cidade de Lewandów, que significa "lavanda".

É o sobrenome do famoso jogador de futebol Robert Lewandowski. No Brasil, é o sobrenome do ministro do STF, Ricardo Lewandowski.

Sobrenomes de imigrantes poloneses no Brasil

Imigrantes poloneses

Os imigrantes poloneses foram para o Brasil nos séculos XIX e XX, com um movimento migratório principalmente para os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Atualmente há cerca de 1,5 milhão de migrantes vivendo no Brasil. Confira alguns dos sobrenomes poloneses que podem ser encontrados no nosso país!

8. Schlösser

Uma variante de Schlosser.

Um sobrenome de origem baseada na profissão do "serralheiro".

A palavra é oriunda do alemão antigo, com o significado de "fechadura".

9. Szymanski

Szymanski

Um sobrenome toponímico que pode significar duas cidades existentes na Polônia com o nome Szymany, localizadas nas províncias de Konin ou Ƚomza.

10. Kokot

Um sobrenome que também tem origem eslovena, significando "galo". É consideradoum apelido para uma pessoa orgulhosa.

11. Kania

Kania

Um sobrenome polonês e judeu, com significado de "pipa".

É também o nome de uma pequena ave na Polônia.

12. Jarosiński

Um sobrenome toponímico, que significa alguém proveniente de um local chamado Jaroszyn da província de Konin.

Variações da grafia desse nome no Brasil: Iarochinski, Jarosinski, e Iarosinski.

13. Wos

Uma forma reduzida do nome do primeiro santo polonês, chamado de Wojciech. Em português, tem o nome de Adalberto de Praga, pois foi bispo de Praga antes de ser padroeiro da Polônia.

14. Zieliński

Zieliński

Da palavra polonesa zieleń, quer dizer "verde".

É possível que o nome tenha vindo como apelido para uma pessoa que usava roupas verdes.

15. Kozłowski

Um sobrenome para uma pessoa de Kozłów, Kozłowo ou outros lugares com essa raiz kozioł, que significa "cabra macho".

Famosos brasileiros com esse nome: Glenda Kozlowski, jornalista e apresentadora.