Ao escolher um nome indígena para o seu bebê, você está valorizando a principal raiz cultural brasileira, dos nossos primeiros habitantes! 

Em geral, devido a sua forma de vida, os índios nomeavam suas crianças de acordo com fenômenos da natureza, dos animais e etc. Por isso, encontramos nomes indígenas com lindos significados. 

Vejamos quais são os 28 nomes indígenas mais usados no Brasil. 

Nomes femininos de origem indígena

nomes indígenas femininos

Muitos nomes indígenas femininos são de origem tupi, a língua que foi mais falada no Brasil durante mais de 200 anos. Era natural para os índios atribuírem os nomes às crianças de acordo com as circunstâncias de seus nascimentos. Vamos ver alguns dos seus significados? 

Mayara / Maiara

Mais de 75 mil pessoas no Brasil têm esse nome, que tem duas possibilidades de origem indígena: uma tupi e outra uapixana.

Na variante tupi, o nome é resultado da junção dos elementos maya, que significa "mãe", e aryia, que quer dizer "avó por parte de mãe", de modo que tem o sentido de "bisavó".

Já na uapixana - uma tribo de indígenas aruaques que habitavam o alto do Rio Branco, no Acre - Mayara teria o significado literalmente de "bicho".

Janaina

Quase 211 mil pessoas no Brasil são registradas com o nome Janaina. 

A origem divide pesquisadores, mas há duas linhas possíveis, uma afro-brasileira, a partir do idioma ioruba, em que Janaina é um dos nomes da deusa Iemanjá. 

E a outra, é a partir do sincretismo de crenças e lendas africanas e indígenas, onde Janaina seria uma bela cabocla que teria nascido na tribo dos Goitacás, na região sul do atual estado do Espírito Santo. 

Os significados do nome então remetem a "protetora do lar", "deusa do mar", "rainha do mar", "mãe dos peixes" "sereia dos rios".

Iara / Yara 

A raiz tupi-guarani do nome Iara (ou Yara) já encantou mais de 120 mil pessoas no Brasil, segundo o Censo Demográfico de 2010. 

O nome y-îara em tupi-guarani significa "senhora das águas", "mãe d'água", "a beleza das águas" ou "dominadora".

Não deixe de ler a descrição detalhada de toda a história e mitologia que cerca a origem de "Iara", é só clicar no nome!

Kauane / Kauany

A variante feminina do nome Kauã ou Cauã dá nome a quase 25 mil pessoas no Brasil e significa "gavião". 
No costume indígena, este nome era atribuído a todos os pássaros de rapina da família do falcão.

Thaynara / Taianara 

Esses nomes têm o mesmo étimo de Tainá ou Thainá e a simbologia aproxima-se do que é divino, significando "estrela", "perfeita", "iluminada".

Segundo o Censo Demográfico de 2010, cerca de 2 mil pessoas possuem esse nome no Brasil e há uma bonita história por trás dele. 

Na tradição indígena, Tainá-kan é o nome de lenda que conta a história de Tainá, uma estrela venerada por índios como se fosse Deus. Ela era responsável por ensinar ao seu povo o cultivo de mandioca.

Iracema

Quase 90 mil pessoas no Brasil chama-se Iracema, nome guarani que compõe-se dos elementos ira, que tem origem no nheengatu que significa "mel" e acema, que quer dizer "escorrer" ou "sair em grande quantidade". 

Assim sendo, literalmente o nome Iracema significa "saída do mel". 

O nome tornou-se muito popular por titular um dos livros mais clássicos da literatura nacional: Iracema (1865), de José de Alencar. 

Tauane / Taiane / Tuane

Juntos, os três nomes reúnem mais de cinquenta mil aderentes no Brasil. O significado é o mesmo de Tainá, pois é uma variante do nome tupi. 

Sendo assim, Tauane, Tuane ou Taiane remete a "estrela", "astros celestes".

Jurema

Quase 30 mil pessoas são registradas com o nome Jurema no Brasil. A origem também é tupi, uma das poucas línguas indígenas que sobreviveu. 

O nome remete a yu-r-ema, composto pela união dos elementos yu, "ju", que quer dizer "espinho" e rema, que significa "odor". Significa, então  "árvore de espinhos de odor desagradável".

Jaciara

Na década de noventa houve um pico de registros do nome Jaciara, que nomeia quase 30 mil pessoas no Brasil. 

Vem do tupi, sendo a junção dos elementos yaci (Jaci, em português), que significa "lua" e yara, que significa "senhora" , "dona", "a dominadora", da qual resulta "senhora da lua", "nascida da lua", "dona da lua", "dominadora da lua".

Há algumas lendas em torno de Jaci, para conhecê-las, basta clicar ali em cima no nome. 

Juraci

Este é um nome indígena unissex que foi muito popular na década de 60 no Brasil. O nome vem do tupi, unindo a palavra jura, que quer dizer "boca" e cy, que significa "mãe". É um nome que remete ao simbolismo de "boca materna".

Nomes masculinos de origem indígena

nomes indígenas masculinos

Entre os nomes indígenas masculinos, verificamos sentidos relacionadas ao mundo animal, à caça e outras práticas comuns aos indígenas. Veja quais são os principais nomes de menino com essa origem e seus significados. 

Kauã / Cauan / CauêKauan

Aves de rapina, costumam carregar simbologias importantes que estão presentes no imaginário brasileiro, como força, inteligência, rapidez, visão. 

Na tradição indígena, o nome Kauã (e seus derivados) significam "galvão", ou qualquer outra ave da mesma família.

Era um símbolo de alerta para as tribos. Se algum gavião ou falcão sobrevoasse a região da tribo durante a manhã, era um sinal de que algo importante aconteceria à tarde. 

Kaique / Caíque

As duas variações gráficas juntas reúnem quase 100 mil pessoas registradas no Brasil. O nome carrega um sentido de habilidade que é importante à comunidade indígena. Significa "ave aquática" ou, ainda, "aquele que desliza sobre as águas".

Outras histórias e significados rondam o nome, e, portanto, não deixe de ler a descrição completa clicando nele. 

Moacir

Entre os nomes indígenas masculinos, Moacir é um dos mais populares no Brasil, com quase 80 mil pessoas registradas. 

Vem do tupi mbo'a'su ira, que junta duas palavras tupis, mbo'a'su, que significa "dor" ou "fazer doer", e ira, que quer dizer "saído de". Significa, então, "dolorido, magoado", "o que vem da dor" ou "o que faz doer, o que magoa".

Jurandir

Às vezes usado também para pessoas do sexo feminino, Jurandir é um nome indígena de origem tupi que junta elementos jura, que quer dizer "boca" e ndieira, que significa "abelha de mel".

O sentido, então, fica ligado a "boca melíflua", "o que fala palavras doces".

Segundo o Censo Demográfico de 2010, quase 50 mil pessoas estão registradas com esse nome no Brasil.

Ubirajara

Na tradição indígena, alguém que tinha muita habilidade no uso da lança, para pescar, guerrear ou caçar, por exemplo, era chamado Ubirajara.

Tem origem no nome tupi übürai'yara, que quer dizer literalmente "senhor da lança, senhor da vara".

Quase 15 mil pessoas no Brasil possuem este nome. 

Ubiratan / Ubiratã 

Qualidades como bravura, valentia, resistência estão ligados ao nome indígena Ubiratan. Isso porque este nome tupi é formado pela junção das palavras übü'ra, que significa "pau" ou "tacape" e á'tã, que significa "duro". 

O sentido, então, fica sendo "madeira forte", "lança dura" ou "tacape forte".

Iberê

É um nome bastante original, que registra menos de mil pessoas no Brasil e, simbolicamente, significa algo bem bonito. Remete a "rio que se arrasta" ou "rio rasteiro".

É a junção dos elementos ü, que significa "rio", e tiri’ri, que significa "arrastar-se".

Peri

Simples, de sonoridade agradável e com origem indígena que remete à natureza. 

Quase 700 pessoas no Brasil foram registradas com o nome Peri, que é tupi e significa "Planta lisa, delgada e flexível".

Os nomes indígenas mais diferentes e raros que você ainda não conhecia

nomes indígenas diferentes e raros

Alguns nomes de origem indígena são tão originais e únicos que a gente achou que valeria a pena colocar aqui para vocês. Afinal, dá para valorizar as origens, ter um nome tipicamente brasileiro, e ainda ser diferente e bonito!

Iandara / Yandara 

Pouco mais de 300 pessoas no Brasil têm esse nome raro e bonito. É um nome indígena cujo sentido aponta para "metade do dia". 

Entre a população indígena, tal nome remete à ideia de propósito, de algo que foi parcialmente cumprido. Sabe aquela expressão popular "metade do dia já foi!", é mais ou menos isso!

Teçá

Outro nome raro, simples e belo. Teçá é o nome de pouco mais de 100 brasileiros e tem algumas origens possíveis, inclusive húngara e grega (veja a descrição completa clicando no nome). 

Mas, em termos indígenas, Teçá significa "olhos atentos" ou "aquela que tem olhos atentos".

Inaiê

De origem Tupi, Inaiê é um nome com pouco mais de 300 aderentes no Brasil  e significa "águia solitária".

As variantes Inaye e Ynaie também podem ser opções de nomes indígenas raros e bonitos para nomear um bebê.

Caiuá

Caiuá é um nome que pode ser usado tanto para meninas, quanto para meninos, e possui pouco menos de 100 pessoas registradas segundo o Censo Demográfico de 2010.

Cauã é um nome bastante comum, mas este é bem diferente, não acha? Significa "aquele que mora no mato". Uma opção com forte sentido àqueles que amam o campo! 

Iraê

Sabe quando a gente conhece um bebê ou criança que é um doce? Poderíamos dizer que é uma criança "Iraê". 
Este nome de origem indígena significa, literalmente, "gosto de mel". Bonito, não é?

Esperamos que tenha gostado dessa lista com alguns dos nomes indígenas mais utilizados no Brasil (e outros raros). Se você busca um nome diferente para o seu bebê, vai gostar de ler Os 20 nomes mais diferentes e bonitos para colocar em bebês.